Intercâmbio na Irlanda: o que saber antes de fazer as malas

intercambio na Irlanda

O intercâmbio na Irlanda é uma modalidade de viagem bastante interessante e procurada por motivos diversos. Por exemplo, além de ser a 3ª maior ilha da Europa, o país recebe anualmente mais visitantes do que sua própria população.

Em 2019, ano anterior à pandemia, a população irlandesa era de 4,7 milhões de habitantes e os turistas somaram 6 milhões. Destes, cerca de 10% foram por intercâmbio profissional ou para estudar.

Além disso, Dublin (para ficar em apenas uma cidade da Irlanda) está entre as 10 melhores cidades para estudantes morarem em todo o mundo.

Por isso, preparamos esse artigo que vai te mostrar tudo o que você precisa saber para fazer intercâmbio na Irlanda de modo seguro. Separe seu seguro viagem internacional e embarque conosco nessa! Boa leitura!

Documentos necessários para intercâmbio na Irlanda e outros países europeus

Agora que você sabe um pouco mais sobre a Irlanda, vamos organizar de imediato a documentação necessária para você começar o seu intercâmbio.

Antes de mais nada, lembre-se que essas informações são voltadas apenas para o intercâmbio. Caso você vá para o país com outros fins, é necessário fazer a checagem de documentos para o seu tipo de viagem.

Se a intenção é fazer o registro em algum programa educacional com a duração máxima de 90 dias, não é necessária a emissão do visto.

O que você deve ter em mãos quando aterrissar no país será o documento da escola que confirma sua matrícula e o local de hospedagem. 

Que tipo de intercâmbio pode ser feito em terras irlandesas?

Disparado em primeiro lugar entre os tipos de intercâmbio na Irlanda, está o intercâmbio de inglês. No entanto, também é possível encontrar outros tipos de modalidade intercambistas ou até mesmo se interessar por outras durante a estadia.

O leque de opções conta com temas como inglês geral, inglês voltado para atividades comerciais, cursos non-degree, entre outros.

Como dito anteriormente, é possível ajustar a modalidade de intercâmbio enquanto você estiver na cidade. Por isso, aproveite a estadia e absorva o máximo de conteúdo e belezas exclusivas que só a Irlanda pode oferecer.

Principais cidades para intercâmbio na Irlanda

Inicialmente você pode se apegar a ideia de fazer intercâmbio nas cidades mais conhecidas do país. 

No entanto, é importante saber que a Irlanda tem programas de intercâmbio em outras cidades igualmente incríveis. Portanto, fique atento que vamos falar sobre algumas cidades em destaque.

Dublin

Esta cidade é a menina dos olhos quando se pensa em intercâmbio para qualquer lugar do mundo ou até mesmo em turismo.

Isso porque Dublin é uma cidade muito rica culturalmente. Não obstante, a riqueza cultural aliado ao baixo custo de vida são fatores que chamam a atenção de quem quer fazer um intercâmbio na Irlanda.

Além disso, o intercâmbio em Dublin permite viagens para outros países de forma rápida e fácil. Isso se dá em razão da proximidade da cidade com outras cidades europeias. Imagine estar em uma cidade que praticamente é vizinha da Inglaterra e Escócia?

Cork

Primeiramente, estamos falando da cidade que é a terceira mais populosa do país. Cork conta com 125 mil habitantes, e é considerada um excelente lugar para fazer intercâmbio.

A cidade alia benefícios como segurança, em razão dos baixíssimos índices de criminalidade se comparada a outros países, um cenário multicultural e com muitas atrações turísticas, baixo custo de vida e fácil locomoção. 

Em razão de não ser uma cidade muito grande, é possível resolver quase todas as questões do dia a dia através de uma boa caminhada ou com uma bicicleta, item muito utilizado não só na cidade, mas em todo o país.

Limerick

Você pode pensar que é um clichê. E, se pensou, acertou em cheio. Limerick é mais uma cidade da Irlanda que chama a atenção de futuros intercambistas em razão do baixo custo de vida. 

No entanto, o ponto que chama atenção em Limerick é que ela possui o custo de vida mais baixo do país. Entretanto, ainda assim, é uma cidade que desperta interesse por possuir uma excelente infraestrutura para os moradores.

Outra característica marcante da cidade é a forma como ela é conhecida: “cidade mais cinzenta da Irlanda”. Mas não se assuste. 

O apelido é proveniente das chuvas frequentes na cidade e também pelo baixo índice de exposição solar ao longo do dia, que dura, no máximo, 4 horas.

Por fim, outro ponto de destaque para quem busca o intercâmbio na Irlanda, é que Limerick recebeu um grande investimento em áreas comerciais. O que torna o cenário ideal para quem busca estudo e trabalho na Irlanda.

Galway

Por fim, mas não menos importante e atraente, está a cidade de Galway. Considerada uma das cidades mais simpáticas do país, o local conta com cerca de 80 mil habitantes.

Galway se destaca não apenas pelas características comuns a outras cidades supracitadas, mas também pelo “ar de cidade do interior”. Sendo assim, esta cidade é o local ideal para quem procura intercâmbio na Irlanda fora de grandes centros.

Embora possua esse ar de interior, Galway é conhecida pelo viés tecnológico. Isso porque boa parte dos empregos gerados na cidade são provenientes da tecnologia. 

Um exemplo importante e que merece destaque no programa de intercâmbio na cidade é a área do audiovisual.

Conclusão

Sobretudo, escolher a escolha pelo intercâmbio na Irlanda é vantajoso por diversos motivos. As principais cidades contam com inúmeras opções de programas, além de oferecer empregos e possuir baixo custo de vida.

Aliado a todas essas vantagens, é possível fazer uma viagem sem uma extensa lista burocrática a ser seguida. Lembrando que as regras desta publicação valem apenas para viagem para fins de intercâmbio.

Leia também:

Compartilhe este post:

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.